Pesquisar este blog

Follow by Email

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

A fórmula do sucesso que eu não gostaria de obter!

Primeiro, eles se apropriaram das idéias. Nós não vimos, mas eles estavam organizados.

Depois, eles se apropriaram da autoria das idéias. Nós não percebemos a tempo e deixamos que os ingênuos fossem convencidos.

Logo depois, apropriaram-se dos programas sociais e de distribuição de renda, já que era hora de retomar, uma vez que “Pela primeira vez na história deste país”, havia estabilidade econômica para garantir algum planejamento de longo prazo.

Por fim, conseguiram se apropriar da fé, do raciocínio e do comodismo nocivo do povo brasileiro, para que pudessem cumprir o plano de mais de vinte anos no poder.

Nós? Quem somos nós? E quem são eles?

Somos eu, você leitor, as lideranças políticas opositoras ao atual corpo governamental, os melhores economistas do país, os professores que estavam sofridos desde o regime militar....Somos nós! E este “Nós” foi quem permitiu! Nós nos descuidamos, deixamos de prestar atenção, pecamos por soberba, por falta de humildade, por desrespeito ao adversário, que parecia fraco, uma vez que tinha menos preparo técnico.
Só que o Brasil ensinou aos líderes que preparo técnico para uma população que não sabe, em sua grande maioria, distinguir nem quais são os três poderes existentes e quem é subordinado a quem, não é a condição mais apreciada pelos eleitores.

No País onde a hipocrisia reina e as pessoas pedem aos outros aquilo que elas mesmas não estão dispostas a fazer, quem ganha, é o “simples”, o “humilde”, o “cara que fala a língua do povo”. E a língua do povo, meu amado e preparadíssimo tecnicamente PSDB, não é a língua que falam os NOSSOS líderes!

Hoje, o Brasil assiste aos processos de concessão dos aeroportos. Afinal, não é privatização, é concessão! Então, o modelo “Lulopetista” aceita! Afinal, eles condenaram as privatizações, mas concessão, mesmo que por VINTE ou TRINTA anos (se alguém ocupa um terreno por 5 anos é usucapião, mas administrar por 20 anos é apenas concessão. Ok! Continuemos) pode! Pode, porque é um método bem menos claro do que as privatizações realizadas enquanto governo FHC, e o povo não consegue ENXERGAR que entregando a concessão, eles pioram a situação! Porque quando privatizadas, as empresas como a Vale, por exemplo, abriram capital e ainda permitem participação financeira da União, que é acionista nas privatizadas. Em compensação, se concessão, a União não participa como patrocinadora, não tem assento obrigatório em Conselho e, portanto, poderá atuar apenas como reguladora! Melhor?

O brasileiro de cérebro lavado pela máfia governamental que vem se instalando, formando e crescendo vertiginosamente desde 2002, acreditou! Porque enquanto “nós” quisemos tratar tudo com teorias divinas, técnicas de gestão eficazes, muito estudo formal e experiência real de mercado, “eles” se utilizaram apenas de UM recurso! Mas eles acharam O recurso: mexer no CORAÇÃO do brasileiro! Estudaram o COMPORTAMENTO brasileiro, enquanto o PSDB estudou Ciências Sociais, Econômicas, Administrativas.... esquecendo que a Matemática falha aproxima o líder de seu povo, o Português errado aproxima do povo, a mentira mal contada, por incrível que pareça, aproxima do povo!

Concordo com este tipo de aproximação? Não! Tenho orgulho de estar “do lado errado”, porque este errado é exatamente o que me parece muito certo.
Porém, amigos finos da política brasileira, esta é apenas a MINHA opinião! E eu sou minoria! Em diversos sentidos!

O que fazer? Eu tento palestrar, todos os dias, explicando tudo isso que escrevi aí em cima. Mas hoje, depois de tão lavados, os cérebros que encontro já se encontram fechados para uma nova limpeza sutil!

Volto, ainda hoje, continuando o assunto, pois compararei o que escrevi aqui, com o fenômeno chamado "Bispo Edir Macedo". Parece que não tem relação? Tem muita!

Esperando vozes dispostas a juntarem-se ao meu coro,

Filhinha de Papai

Nenhum comentário:

Postar um comentário