Pesquisar este blog

Follow by Email

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Natal? Então, vai aqui minha cartinha ao Papai Noel!

Querido Papai Noel,

Eu fui uma boa menina em 2011. Juro que fui! Trabalhei de graça, gastei minhas economias com caridade, militei pela melhora do Brasil, tratei bem a quem mereceu.
Diante disso, não aceitarei de presente, nada menos do que:

- Uma mordaça: para calar de uma vez por todas o ex-presidente Lula, já que o Câncer era falso;
- Um binóculo: porque a presidente só pode estar cega;
- Uma cartilha de bons modos: para presentear os opositores para que parem de brigar entre si;
- Um par de colhões: para presentear uns senadores e deputados para que peçam as investigações necessárias;
- Um pouco de decência: para o povo brasileiro, que está mais interessado em festas do que em política;
- Inspiração: para mim! Para que eu tenha um “toque de Gandhi” e consiga elucidar questões cruciais para o entendimento do brasileiro;
- Motivação: para aqueles que desistiram e se resignaram;
- Sabedoria: para que o ser humano troque seu egocentrismo pela consciência da interdependência.

Fácil, não, Papai Noel?
Seria fácil, se não estivéssemos falando de BRASIL!

Agora, diante de todas as batalhas que lutei e perdi, sou obrigada a confiar no senhor, meu bom velhinho!

Com esperança,

Filhinha de Papai

Um comentário:

  1. endosso estes pedidos, acrescentando mais um: que o povo acorde deste sono profundo que nos mantém - mesmo os que estamos acordados - em berço (nem tão) esplêndido.

    ResponderExcluir